Cine Drive-in: uma opção de entretenimento em meio à pandemia

Em meio a pandemia do coronavírus os Cine Drive-in voltaram justamente por possibilitar assistir os filmes de dentro dos carros com o devido distanciamento social exigido, ou seja, um cinema a céu aberto, seja em áreas rurais, estacionamentos, pátios, etc.

Atualmente, todas as formas de entretenimento, principalmente à dos jovens estão fechadas devidos as restrições de aglomerações e circulação de pessoas. Se você pretende montar um, para ajudar as pessoas a superar o isolamento do COVID-19, dando um pouco de entretenimento as pessoas no momento atual, siga os seguintes passos:

Encontre um local adequado

O primeiro passo é a obtenção do local, podendo ser uma área rural nas imediações da cidade, um pátio ou mesmo um estacionamento.

Providencie as licenças necessárias

Obtido o local, você deverá começar a providenciar as devidas licenças de operação, a começar pela Licença de Uso Temporário de Espectro na Anatel (resolução nº: 635 de 9 de maio de 2014), que deverá ser feita com 15 dias de antecedência do evento.

Elabore o projeto de viabilidade

Com intuito de ajudar o radiodifusor e facilitar esse processo, a Teletronix poderá indicar um engenheiro próximo à sua localidade para elaboração do projeto de viabilidade de frequência e potência, a fim de obtenção dessa licença temporária.

Prepare os equipamentos adequados

Paralelamente a isto, você deverá efetuar compras de alguns equipamentos, bem como a locação de outros. O sistema funciona com um Transmissor FM, cabo e Antena operando na faixa de FM Comercial, em uma frequência e potências específicas, definidas no projeto do engenheiro (e aprovados pela ANATEL), que transmitirá o som do filme em uma frequência de Radio FM para as pessoas dos veículos sintonizarem nela.

Para isto, a Teletronix possui o Transmissor de FM modelo SP5025 que opera de 0 a 25 Watts acompanhado de cabo e Antena Dipolo Banda Larga, que opera em qualquer frequência da faixa de FM Comercial, sendo sua potência e frequência definidas no projeto do uso temporário de espectro, elaborados pelo Engenheiro.

Para a parte do cinema propriamente dito (telão e projetor), estes podem ser adquiridos ou locados, decisão que depende exclusivamente de quem estará a frente do empreendimento, visto que estes itens já podem fazer parte do trabalho atual de quem começará com esse novo negócio.

Solicite a licença com a prefeitura

Um ponto importante também é a licença junto a prefeitura, ou seja, o alvará do empreendimento. Em posse do alvará, cada prefeitura menciona nele todas as exigências que o empreendimento em questão deverá possuir como: projeto do local, regras de evacuação e circulação, bombeiros, juizado de menores, conselho tutelar, comunicação com a PM, número de seguranças, etc.

Agora é começar!

Seguidos todos os passos é só começar a operar. Com todas as regras estabelecidas pela prefeitura, tendo todas as providências tomadas e seguindo as medidas de precaução ao coronavírus, você poderá ainda disponibilizar no local: vendedores ambulantes de food truck’s, lanches, pipocas, etc.

O Cine Drive-in tem o privilégio de, neste momento delicado, trazer um pouco mais de vida aos brasileiros ainda que de forma reduzida.

Em todos os momentos, conte com a Teletronix.

Comentários

Posted in:
Sobre o autor

Eng. Rogério de Souza Correa

Diretor da Teletronix, membro do Conselho do Fórum de TV Digital SBTVD, representante da ABINEE no Conselho Consultivo sobre o Radio Digital do Ministério das Comunicações em 2012