4 hábitos que radialistas devem ter para cuidar da voz

Quem depende da voz para trabalhar, como os radialistas, pode sofrer consequências desagradáveis e prejudiciais por conta do uso excessivo e ininterrupto das cordas vocais. Rouquidão, dor de garganta e desconforto são alguns dos sinais que soam como alerta para a necessidade de aumentar os cuidados com a voz.

Por isso, além de adotar técnicas para ser um bom locutor de rádio, é preciso evitar problemas nas cordas vocais – que podem, inclusive, impossibilitar que o profissional exerça sua atividade.

Para tanto, radialistas, locutores e outros profissionais devem apostar na prevenção. Veja a seguir alguns hábitos diários que, se adotados, irão minimizar os danos na voz:

Líquidos

Beber água regularmente ajuda a manter a saúde da voz. Não à toa, quando se fala sem interrupções, a boca acaba ficando seca, o que pode prejudicar até mesmo a dicção.

Outra dica para cuidar das cordas vocais é evitar ingerir líquidos muito quentes ou muito frios. O ideal é optar por líquidos em temperatura morna e ambiente.

Nutrientes

A alimentação também interfere na vibração das pregas vocais, na quantidade de secreção mucosa e na produção vocal.

Por isso, os alimentos mais recomendados para quem quer cuidar da voz são os com propriedades adstringentes, com destaque para a maçã, e as frutas cítricas. Ao mesmo tempo, as frutas cítricas podem ser prejudiciais para quem sofre com refluxo.

Em casos assim, para garantir os nutrientes essenciais para a voz, sem sofrer com problemas estomacais, vale apostar em polivitamínicos, ricos em vitamina C e antioxidantes, que estimulam a salivação, a lubrificação do trato vocal e o relaxamento da musculatura da laringe. 

Por outro lado, bebidas alcoólicas, refrigerantes, alimentos gordurosos e condimentados devem ser evitados porque alteram o movimento das pregas vocais, aumentam a secreção mucosa e causam disfonia.

Aquecimento

Preparar a voz para um dia inteiro de trabalho é outro hábito importante que deve ser adotado quando se trabalha em rádio, tanto para proteger a voz quanto para evitar o tratamento de problemas como a rouquidão.

De modo geral, recomenda-se aquecer as cordas vocais por aproximadamente 30 minutos antes de iniciar a locução do programa. Alguns dos principais exercícios que devem ser realizados durante o aquecimento são: vibração da língua, vibração de lábio e repetição de trava-línguas, para trabalhar também a dicção.

Pausas

Apresentadores de programas de rádio devem, sempre que possível, poupar a voz. Por isso, é essencial que esses profissionais descansem as cordas vocais nos momentos fora do trabalho.

Uma dica é tirar algumas horas do dia para ficar em silêncio. Esse hábito pode ser importante para recuperar a voz desgastada após um dia intenso e evitar problemas futuros.

Comentários

Posted in:
Sobre o autor

Bruno Faria

Publicitário por formação, atua no setor de Marketing da Teletronix, uma empresa desde 1996 no mercado de radiodifusão, produzindo equipamentos para emissoras de rádio e TV.