Como é medida a audiência na TV?

Você já parou para pensar em como funciona a medição de audiência na TV? Assunto complexo para a maioria das pessoas, entender como essa estatística é desenvolvida pode ser mais simples do que se imagina, além de fundamental para o sucesso do seu negócio.

Pensando nisso, criamos este post para explicar tudo o que você precisa saber sobre o assunto. Ao longo do texto, você ainda vai conferir um panorama a respeito dos números de audiência da televisão brasileira. Continue com a gente e confira!

O que é IBOPE?

Também conhecido como Instituto Brasileiro de Opinião Pública e Estatística, o IBOPE é uma das principais empresas de pesquisa de mercado da América Latina, fornecendo dados e estudos sobre audiência na TV, intenção de voto, comportamento, mercado e consumo em, aproximadamente, 14 países.

Em 2014, a divisão de pesquisa de mídia da empresa foi comprada pelo grupo Kantar, que formou a Kantar Ibope Media. A partir disso, o IBOPE passou a ser denominado IBOPE Inteligência, com o objetivo de diferenciar as empresas.

Como é feita a medição?

A medição de audiência na TV acontece de forma muito similar da maioria das pesquisas — ou seja, ela é feita por amostragem. Mas o que isso significa na prática? É simples. Os números analisados levam em consideração as preferências de uma quantidade pequena de pessoas, escolhidas criteriosamente para refletir os perfis socioeconômicos que compõem uma determinada sociedade.

Confira, a seguir, quais são os principais métodos de medição no Brasil.

Questionário

É uma pesquisa mais simples, feita nas ruas e em contato direto com os consumidores. Os moradores preenchem uma folha de perguntas oferecida pelos pesquisadores e essas informações são encaminhas para o instituto avaliar.

Leia também:  Entenda as normas para TV digital no Brasil

Aparelhos eletrônicos

Conhecido como Peoplemeter ou DIB 6, esse aparelho é instalado na casa de alguns telespectadores e captura a relação diária de todos os programas e canais assistidos em cada televisão do lar.

Receptor

Os receptores de audiência controlam em tempo real as variações de trocas de canal e transmitem os dados instantaneamente para as emissoras. Entretanto, esse sistema mais moderno ainda está disponível apenas na cidade de São Paulo.

Qual é o futuro da audiência na TV?

Além dos modelos citados, existem alguns sistemas de medição diferenciada que estão sendo experimentados na TV digital, TV online, além da medição com celulares. Afinal, essas novas plataformas vêm mudando o consumo de conteúdo e prometem transformar o jeito de medir a audiência televisiva.

Com esse novo sistema, o IBOPE deixa de identificar apenas a emissora sintonizada e passa a fazer uma análise ainda mais completa sobre o tipo de conteúdo que está sendo consumido. Tudo isso será possibilitado por ferramentas como a autoprogramação da TV Digital, além de um novo aparelho, já denominado como DIB 6, que vai monitorar o que é visto na internet, celular e rádio.

Como você pode perceber, existem diversas maneiras de mensurar a audiência de um canal ou programa de televisão. E a análise correta de cada um desses dados é fundamental para que as emissoras pensem sua estratégia.

Quer saber mais sobre audiência na TV e demais assuntos que possam contribuir para o sucesso do seu negócio? Curta a nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as dicas e principais tendências do segmento!

Comentários

Posted in:
Sobre o autor

Bruno Faria

Publicitário por formação, atua no setor de Marketing da Teletronix, uma empresa desde 1996 no mercado de radiodifusão, produzindo equipamentos para emissoras de rádio e TV.

Deixe uma resposta